Dados e Informativo Missionário

 

"Missões é o cumprimento do imperativo de Deus dado à Igreja, de proclamar com fidelidade o Evangelho a todas as nações, de modo contextualizado, pela persuasão e vivência por todos os meios possíveis, estabelecendo igrejas autóctones, para a Glória de Deus" (AMTB).

O Ministério de Missões ou Departamento de Missões
O Ministério de Missões ou Departamento de Missões é um ministério da Igreja e tem como responsabilidade especifíca manter acesa e ampliar a visão missionária da Igreja. Elaborar e cuidar do Orçamento de Missões. Promover Congressos e Conferências Missionárias. Manter a Igreja informada das necessidades e vitórias dos missionários e de seu desempenho no campo. Viabilizar a adoção de cada família missionária pelos grupos da Igreja para que mantenham correspondência e cuidado dos obreiros. Promover viagens missionárias, procurando usar os grupos musicais da Igreja, bem como sua membresia, visando envolver um maior número de pessoas em missões. Deve organizar Missões existentes, em Igrejas.


Propósito


1. – Definições


1.1 – Definição de Igreja Local 
Igreja local é uma comunidade de cristãos, salvos por Jesus Cristo, regenerados pelo poder do Espírito Santo, batizados, com identidade própria, que se reúnem em um determinado lugar para cultuar e louvar a Deus, estudar a Bíblia, desenvolver a comunhão cristã e promover a proclamação da mensagem de salvação a outras pessoas dentro ou fora de sua comunidade, região ou país em obediência à ordem de Cristo.

1.2 – Definição de Missões 
Missões é o ministério desenvolvido pela Igreja Local, através de agentes especialmente vocacionados e treinados para tal, além das suas fronteiras físicas ou culturais com o propósito de cumprir a Grande Comissão, proclamando de modo contextualizado por palavras e ações o Evangelho de Jesus Cristo por meio da evangelização, discipulado e ação social, e estabelecendo igrejas autóctones para a glória de Deus.


1.3 – Definição de Missões Urbanas 
Missões Urbanas é o esforço da Igreja Local em atingir pessoas nas cidades, particularmente os grandes centros com todas as suas peculiaridades, com a mensagem do Evangelho de Jesus Cristo. 

1.4 – Definição de Missões Rurais 
Missões Rurais é o esforço da Igreja Local em atingir pessoas nas áreas rurais (pequenas cidades, fazendas e sítios) com a mensagem do Evangelho de Jesus. 

1.5 – Definição de Missões Transculturais 
Missões Transculturais é o esforço da Igreja Local em alcançar pessoas de outras raças, culturas e línguas, em outros países ou dentro do próprio território nacional, com a mensagem do Evangelho de Jesus Cristo de modo comunicativo e contextual, com a finalidade de plantar igrejas locais.

1.6 – Definição de Missionário 
Missionário ou missionária, em termos cristãos, é aquele, homem ou mulher, vocacionado por Deus e treinado para a obra específica de levar a mensagem do evangelho a outras pessoas, em sua própria cultura, ou em outro contexto cultural, através dos vários meios e práticas de proclamação da mensagem divina, através do envolvimento pessoal na realização deste ministério. 

1.7 – Definição do Ministério de Missões 
O Ministério de Missões da Igreja é um grupo de trabalho, oração, pesquisa e estudos que se propõe a informar, inspirar, treinar, mobilizar e oferecer subsídios à Igreja para a realização da tarefa missionário em termos culturais e transculturais, subordinado à Equipe Pastoral (aos Pastores) e à Assembléia da Igreja. 


2 – Propósito Bíblico de Missões 


• Procurar adoradores de Deus de todas as nações - Salmos 67; Apocalipse 5:9-10; Romanos 15:7-12; Efésios 1:3-6; João 4:23. 
• Cumprir a Grande Comissão de Jesus - Mateus 28:19-20; Marcos 16:15-16; Atos 1:8. 
• Compartilhar o amor de Cristo ao mundo - Mateus 9:36-38; Mateus 18:10-14. 
• Levar pessoas à salvação e maturidade cristã através do discipulado cristão - João 3:16; Romanos 10:13-15; Efésios 4:12-16 
• Atender às necessidades humanas dentro de uma visão holística (espiritual, material, social, educacional) - Mateus 22:37-39;Mateus 25:31-46. 

3 – Características da Filosofia Missionária de um Ministério de Missões. 


3.1 – Estratégias Objetivas do Ministério de Missões 
• Dar visão missionária à Igreja em geral; 
• Educar a Igreja em Missões; 
• Promover oração pela obra missionária; 
• Acompanhar o treinamento de candidatos para a obra missionária; 
• Avaliar e orientar a seleção de candidatos a missões; 
• Recomendar candidatos a Missões; 
• Avaliar o ministério dos missionários da Igreja; 
• Estimular e administrar recursos financeiros para o sustento de missões; 
• Incentivar e despertar vocação missionária; 
• Promover a personalização dos missionários da Igreja. 

3.2 – Responsabilidades do Ministério de Missões da Igreja 
• Estabelecer alvos, tanto a curto, a médio e a longo prazo, que sejam mensuráveis e que ao mesmo tempo envolvam um passo de fé. Os alvos deverão ser revistos anualmente. 
• Desenvolver o interesse em oração pela evangelização do mundo, pela obra missionária em geral e pelos missionários sustentados integral ou parcialmente pela Igreja em particular, através dos meios de comunicação interna existentes, nos cultos e reuniões, na EBD, nos departamentos e organizações da Igreja. 
• Educação Missionária da Igreja através da programação normal, dos meios de informação e comunicação interna disponíveis. De um programa de estudos na EBD, de contatos pessoais com missionários e campos e outros meios disponíveis e possíveis. 
• Estimular a participação da Igreja na evangelização mundial através da Oferta Missionária de Fé e outros meios de participação financeira, bem como preparar e realizar o orçamento anual detalhado do Ministério de Missões 
• Identificar, estimular, orientar, avaliar e recomendar candidatos, membros da Igreja, ao serviço missionário. 
• Cuidar dos missionários da Igreja em suas necessidades tanto no campo quanto em visita ou férias, providenciando recepção, hospedagem e apoio pessoal. 
• Avaliar criteriosamente o relacionamento das agências missionárias com a Igreja antes e depois de firmar convênio para o envio missionário ao campo, estabelecendo critérios definidos de cooperação. 

Estratégias Missionárias
A estratégia missionária da Igreja deve estar calcada no conceito étnico do desafio missionário, sem desprezar a dimensão geográfica. Dentro desta estratégia alguns passos são tomados no sentido de dimensionar os alvos e prioridades da estratégia. 

1 – Áreas - Alvo
Seguindo os princípios do texto de Atos 1:8 estabelecemos as seguintes dimensões da obra missionária: 

Dimensão Local: 
• JERUSALÉM – O desafio missionário da cidade da cidade local. 

Dimensão Nacional 
• JUDÉIA – o contexto brasileiro em geral, tomando-se em consideração as realidades urbana e rural. 

Dimensão Continental 
• SAMARIA – Países latino-americanos com a mesma herança histórica, mas diferenças lingüísticas, culturais e sociais (às vezes até rivais as nossas). 

Dimensão Global 
• CONFINS DA TERRA – A dimensão transcultural da obra missionária – povos de outra cultura, raça, língua, embora as vezes dentro das nossas fronteiras geográficas, priorizando os povos não alcançados. 
1. Tribos indígenas do Brasil (Kadews e Terenas – MS, Yanomamis – AM, Outros) 
2. América do Sul 
3. África 
4. Janela 10/40 

2 – Prioridades Missionárias 
1. Evangelizar 
2. Plantar Igrejas 
3. Treinar Liderança (obra educacional) 
4. Obras sociais 

2.1 – Prioridade de atuação missionária 
1. Povos indígenas não alcançados no Brasil 
2. Povos não alcançados na América Latina 
3. Povos não alcançados na África 
4. Povos não alcançados em outras regiões do exterior 

2.2 – Prioridade de Pessoal 
1. Membros da Igreja 
2. Membros de nossa Igreja casados com alguém de outra Igreja 
3. Membros de outra Igreja Batista 
4. Membros de outra Igreja Evangélica 

Livros acerca de Missões 
1. Tochas de Júbilo (Editora Vida) 
2. O Clamor do Mundo (Vida) 
3. O Piloto das Selvas (Editora Betânia) 
4. O Refúgio Secreto (Editora Betânia) 
5. O Fogo Consumidor (Vida) 
6. Paixão pelas Almas (Vida) 
7. Evangelizemos o Mundo (Editora Vida) 
8. Contos do Campo Missionário (Editora Vida) 
9. O Apóstolo da Amazônia (Juerp) 
10. Atrevi-me a Chamar-lhe Pai (Editora Vida) 
11. Camboja – Preparados para Morrer (Editora Betânia) 
12. Seqüestro em Angola (Mundo Cristão) 
13. O Homem que Orava (CPAD) 
14. O Totem da Paz (Editora Betânia) 
15. O Segredo Espiritual de Hudson Taylor (Editora Mundo Cristão). 
16. Senhores da Terra (Editora Betânia) e explicar quais os costumes da tribo mudados ou não depois da conversão. 
17. Por Essa cruz Te Matarei (Editora Vida) e citar vinte métodos missionários de Bruce Olso, dizendo se concorda com tudo e porquê. 
18. Ler e resumir os livros da série Lausanne (ABU Editora). 
19. Ler A Chave para o Problema Missionário (Editora Missão Horizontes) e discutir qualquer idéia com a qual você não concorde. 
20. A Igreja: O Povo de Deus (Edições Vida Nova) e escrever um trabalho de cinco páginas sobre a importância da igreja e de seu relacionamento com missões. 
21. Costumes e Culturas (Edições Vida Nova) 
22. O Fator Melquisedeque (Editora Vida) 
23. Estudar o livro Plantar Igrejas (Edições Vida Nova) 
24. Lírios entre Espinhos (Editora Missão Horizontes) 

ATRIBUIÇÕES DE CADA FUNÇÃO DO DM
Presidente
O presidente é o líder de missões, mas está submisso à autoridade do pastor da igreja. Ele pode representar o Departamento de Missões nas reuniões da diretoria da igreja e de outros departamentos, objetivando a unidade do ministério missionário da sua comunidade eclesiástica. Além disso, o presidente deve:
• Organizar a promoção missionária na igreja local; 
• Manter a unidade e eficácia dos departamentos missionários; 
• Encorajar os membros do Departamento de Missões nas suas respectivas funções; 
• Administrar as verbas destinadas ao Departamento de Missões, apresentando relatório mensal à igreja; 
• Envolver os membros do Departamento de Missões, quando possível, nas visitas aos campos, sob a orientação das respectivas juntas missionárias; 
• Promover e liderar as conferências missionárias na igreja. 
• Precisa demonstrar ardor pela obra missionária e contagiar outros com a sua atuação. Elo entre a igreja e as agências missionárias.

 

Vice-Presidente
Cabe ao vice-presidente assessorar e substituir o presidente em todas as ocasiões quando isso se fizer necessário. Além disso, é sua atribuição liderar as equipes de trabalho na Conferência Missionária e, em parceria com o presidente do Departamento de Missões, visitar as agências missionárias da Convenção Batista Brasileira e instituições teológicas.

Secretário
O secretário do Departamento de Missões deve fazer o registro das atas de todas as reuniões do Departamento e cuidar da correspondência. É sua tarefa empenhar-se para que haja um excelente fluxo de informações entre o Departamento de Missões e a igreja. Deve manter a agenda dos departamentos em dia, com todas as atividades, datas, horários etc., sempre de acordo com a agenda do pastor e da igreja. O secretário deve fazer contato periódico com os missionários mantidos pela igreja.

Tesoureiro 
O tesoureiro do Departamento de Missões deve fazer o registro das entradas e saídas do DM, depósitos, contas a pagar, manter atualizado o livro caixa, pasta de notas, prestações de contas e envio de ofertas e sustento dos missionários e ser responsabilizado por toda a área financeira do DM.

CONVENÇÃO BATISTA MISSIONÁRIA DO BRASIL

Rua Primeiro de Janeiro, 11 - Uruguai
Salvador, BA, CEP. 40450-180

(71) 3312-8925 / 2223-9667 / 2223-9668

  • Wix Facebook page
  • Wix Twitter page
  • Wix Google+ page

Parceiros:

© 2015 por Coordenadoria Nacional de Comunicação - CBMB

 Todos os Direitos Reservados